segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

A Tuna Linha foi apanhada pelo jornal «as Beiras» a cantar as "fevereiras"... de pato


3 comentários:


  1. Só a São Rosas me faria sorrir!

    Foi, para mim, uma grande jornada de luta. Apanhei o comboio no fim da linha, não comi pato, comi e trouxe bacalhau para casa, e ainda me regalei com uma garrafa de EA da adega da Cartuxa que Dom Rafael, naquilo a que chamou o "espólio" final, considerou que a mim me pertencia. E o meu "garrafito", embora vazio, cá voltou para casa, pronto para novas oportunidades.
    Depois de todo este belo convívio, ainda fui a tempo de me juntar à "manif". da CGTP. Também a fui apanhar no "fim da linha"...
    Mas apanhei! É o chamado dois em um. Sinto-me um herói...

    Para o nosso querido PM, aquele abraço. Bem-hajas!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E és um herói! Meu, és!
      Abre aço!

      Eliminar
  2. Foi mesmo um heroi!Pfffffffffffffffffff!
    Demagogia somente! Então o gajo não anda, não canta, não reclama, não come o que os outros comem, bebe e ainda é apelidado de heroi?! Oh pá! Temos que nos unir para que estes "manifestantes abusivos e ainda por cima pagos" sejam irradicados.
    Mas agora estou a pensar melhor também penso que o rapazinho tem uma mulher modelo e por isso temos que relevar. Que sortudo por teres uma mulher com a tua. Serias desancado rapidamente.
    Beijocas

    ResponderEliminar